fbpx
Scroll to top

Conheça os salários do profissional de TI e Cibersegurança


Josué Adil - - 0 comments

Conheça os salários do profissional de TI e Cibersegurança.

Confira um comparativo dos salários de profissionais de TI e de Cibersegurança e entenda como se certificar.

 

Na carreira de TI, é comum os salários do profissional de TI e Cibersegurança serem excelentes. Pois com ataques hackers e vírus cada vez mais sofisticados, elevar a segurança das informações na internet é uma preocupação constante, tanto de usuários comuns, como das empresas. 

Por conta disso, há inúmeras oportunidade para quem deseja se especializar nessa área. Afinal, proteger as informações e dados de uma companhia é uma prioridade diante de um cenário favorável para o roubo de dados importantes que podem comprometer o futuro de um negócio. 

Mesmo com muitas vagas e ótimos salários, encontrar um profissional especializado para evitar falhas, ataques cibernéticos e vazamento de informações ainda é uma dificuldade das grandes companhias. Pois, a defasagens de pessoas capacitadas para este serviço no mercado ainda é grande. 

Portanto, esta lacuna pode virar uma estratégia para os profissionais de Tecnologia da Informação (TI). Assim, todo profissional de TI ou de negócios que deseja maiores salários e mais chances de crescimento profissional, pode buscar capacitar e preparar-se   para conhecer e atuar com cibersegurança, pois esse é o tema do momento.

Inclusive a migração das suas carreiras para o mercado de segurança cibernética pode ser uma grande oportunidade de ascensão profissional, pois os Salários do profissional de TI que atuam nessa área são ainda melhores. E para isso, capacitar-se é fundamental. 

salarios profissionais de ti e ciberseguranca -1

Mini curso de Proteção de Dados

Gratuito e 100% online

Comparação: Média salarial profissionais de TI versus Salário do Profissional de Cibersegurança

O profissional de TI é aquele que possui os conhecimentos necessários para manter sempre em funcionamento as informações de tecnologia. Assim, faz a manutenção de várias operações tecnológicas.

Em média, os salários do profissional de TI com mestrado é de R$ 9.288, enquanto esse valor é de R$ 8.697 entre os que possuem MBA, e de R$ 5.971 para os que cursaram uma pós-graduação/especialização na área.

Paralelo a isso, segundo um estudo publicado no início de 2020 pela consultoria Robert Half, a área de segurança entre os profissionais de tecnologia paga salários entre R$ 3,1 mil (para o cargo de analista) até R$ 22 mil (entre os gerentes de segurança).

Ou seja, apesar dos salários do profissional de Cibersegurança em início de carreira serem mais baixos, com o passar do tempo e capacitação esse valor pode atingir o triplo em comparação ao profissional de TI. 

Quais os tipos de cargos e atividades em alta para profissionais de Cibersegurança?

O campo de trabalho na área de cibersegurança é amplo, envolvendo diversos segmentos, que vão desde o técnico até a pesquisa para gestão. Confira alguns trabalhos a serem considerados ao pensar em uma carreira em cibersegurança e veja qual se adapta melhor ao seu perfil:

PenTester

Chamado de “hacker ético”, este profissional testa a vulnerabilidades de uma organização. Aqui você trabalharia como parte de uma ampla equipe para cobrir todas as possíveis vulnerabilidades e aspectos frágeis do sistema de segurança de uma grande companhia. 

Frequentemente, os testadores de penetração se especializam em áreas específicas de pentesting.

Desenvolvedor de software de segurança

O profissional deste setor geralmente escreve código de software, sendo o desenvolvimento de segurança uma boa área de atuação. E ter esta habilidade permite que você ofereça vantagem para muitas empresas em todo o mundo. 

Auditor de segurança

Um auditor de segurança é o responsável por manter um registro dos controles e medidas de segurança do computador de uma organização. Assim, gerará relatórios regulares sobre a eficácia das medidas de segurança e criará métricas para demonstrar isso. 

Caso trabalhe nesta área, também oferece sugestões para melhorar as medidas trabalhando com os gerentes da empresa. 

Arquiteto de segurança

Neste trabalho o profissional tem um nível de design técnico, projetando a arquitetura fundamental dos sistemas de sua organização. Sendo um arquiteto de segurança, você será responsável por garantir que as especificações técnicas da arquitetura sejam seguras.

Gerente de Produto

As empresas de cibersegurança têm produtos que precisam ser gerenciados. E o papel de um gerente de produto é ter uma visão estratégica para ajudar a desenvolver a vantagem competitiva do produto.

Diretoria de Governança de Dados e Compliance

Neste setor trabalha-se com regulamento de proteção de dados para cumprir. Além disso, as estruturas e leis globais, como o GDPR e a LGPD, pressionam todos os setores a se prepararem e aplicam proteção robusta de dados. 

No entanto, a escassez de posições de consultores, como o Diretor de Proteção de Dados (DPO), também é um problema desde o advento do GDPR.

Chief Information Security Officer (CISO)

O CISO trabalha para minimizar as ameaças cibernéticas por meio de medidas estratégicas inteligentes. Cada vez mais, o CISO atua como porta-voz de uma organização e também como líder de segurança cibernética em toda a organização.

 

Para saber mais sobre o assunto, assista ao  vídeo da Acadi TI sobre o tema no nosso canal do YouTube ou aqui abaixo!

Como começar sem ter experiência?

Mesmo que você não tenha experiência, o profissional de TI pode apostar no mercado de profissionais de cibersegurança, que está clamando por novos participantes e muitas empresas abrem processos seletivos e não encontram candidatos capacitados. 

Você definitivamente não precisa de um grau específico em segurança cibernética para entrar em campo, mas precisa ter conhecimento sobre o assunto. 

 

 

Dessa forma, obter certificações na área nos aspectos da computação mais relacionados à segurança é essencial. Se aprofundar em outros aspectos, como matérias científicas ou matemática, também é importante porque elas aprimoram o pensamento analítico.

Como estudar e me especializar para ser um profissional de Cibersegurança?

Há diversas opções de certificação para cibersegurança. A Certified Information Security Professional Consortium (CISSP é abrangente, com áreas de segurança cibernética. Mas é preciso ter alguma experiência de trabalho em áreas relevantes para fazer o exame. 

No entanto, se você está apenas começando, algumas das certificações mais básicas incluem:

  • EC-Council:  é uma organização internacional com base em Nova Iorque, dedicada ao desenvolvimento de cursos em temas acadêmicos e educativos, tecnologias da informação, saúde, manufatura, finanças, comunicações, e governos de distintos países;
  • Certified Secure Computer User (CSCU): um certificado básico para começar a desenvolver seu conhecimento, tornando-se ciente de segurança;
  • CompTIA Security +: Um exame de nível básico para prepará-lo para uma carreira em segurança da informação;
  • Certified Information Security Manager (CISM): Ideal para profissionais de TI que desejam capacitar-se em segurança cibernética;
  • Certified Encryption Specialist (ECES): que fornece as noções básicas de aplicação de criptografia.

Porque apostar nas certificações da Acadi TI?

Apostar em uma certificação da Acadi TI vale a pena, pois são oferecidos mais de 20 cursos da EC-Council de capacitação em Fundamentos de Segurança da Informação, Vulnerabilidades, Teste de Penetração, Forense Cibernética, Defesa e Operações de Redes.

Então, especialize-se e aproveite para aumentar o seu conhecimento. E assim conseguir obter uma ótima remuneração, com os altos salários de profissionais de Cibersegurança. Conheça as certificações  EC-Council, pela ACADI TI.

Fale com um de nossos Consultores

Related posts